Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

seleção natural

Processo pelo qual, e de acordo com o Darwinismo, aparecem e desaparecem as espécies, relacionado com uma duração que permite que só os indivíduos mais bem adaptados ao meio envolvente se desenvolvam bem. Darwin observou que o número de elementos de uma população se mantém nuns valores relativamente estáveis, embora nascessem mais crias do que as necessárias para manter o número. Também observou características diferentes entre os diferentes indivíduos de uma população, e concluiu que a doença, a competitividade e outros fatores atuavam sobre a população, eliminando os indivíduos que estavam menos bem adaptados ao meio. Só os indivíduos que sobrevivem podem transmitir a sua carga genética à descendência e, passado um tempo, toda a população terá no seu material genético caracteres que a beneficiam. Se o tempo for suficiente podem desenvolver-se organismos diferentes daqueles que os procedem, ocorrendo uma nova espécie.
Charles Darwin, naturalista e pai da teoria da seleção natural na origem das espécies
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – seleção natural na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-02 12:23:22]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais