Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

SNES (Super Nintendo Entertainment System)

Sucessora da popular Nintendo Entertainment System (NES), a Super Nintendo Entertainment System (ou SNES) foi lançada em agosto de 1991 nos Estados Unidos da América e na Europa a partir de abril do ano seguinte.
Tal como acontecia com a sua antecessora, o sistema da SNES também recorria a cartuchos para armazenar os jogos, mas neste modelo o carregamento era feito por uma abertura colocada no topo da consola, alegadamente para minimizar o desgaste experienciado pelas superfícies de contacto do hardware no modelo anterior.
Além desta, todos os modelos deste equipamento possuíam ainda duas portas na superfície frontal que permitiam a ligação de igual número de controladores de jogo, e uma saída de vídeo múltipla, que permitia a exportação dos gráficos nos formatos S-vídeo, RF, RGB e vídeo composto. As primeiras versões deste modelo traziam ainda uma porta de expansão, na parte inferior do equipamento.
Na tradição do modelo que a antecedeu, a consola era vendida no mercado europeu e americano com uma cópia do jogo "Super Mario World" (a NES trazia a primeira versão deste jogo); no entanto, embora não permitisse correr jogos do modelo anterior e dispusesse de um muito limitado leque de títulos disponíveis à data do seu lançamento, a SNES acabou por disponibilizar mais de 750 jogos diferentes, entre os quais os populares "Legend of Zelda: A Link to the Past", "Donkey Kong Country" e "Super Metroid".
Para o seu funcionamento dependia de um processador Ricoh 5A22 a 16 bits e contava com 128 KB de memória RAM dinâmica. O subsistema de som, praticamente independente do resto do sistema, e o de vídeo, com resoluções até 512 por 478 píxeis e um máximo de 32 768 cores, davam à consola alguma superioridade face à concorrência, compensando a escolha de um processador um pouco inferior.
A par disto, alguns cartuchos de jogos da Super Nintendo Entertainment System continham microprocessadores específicos, capazes de melhorar substancialmente as capacidades da consola, especialmente ao nível do desempenho gráfico a 3D.
A Nintendo veio ainda a disponibilizar um cartucho adaptador especial, que permitia ao utilizador conectar uma consola portátil Super Game Boy ao SNES, acrescentando assim a coletânea de títulos disponíveis para aquele sistema ao leque de jogos de que o proprietário de uma Super Nintendo Entertainment System podia usufruir.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – SNES (Super Nintendo Entertainment System) na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-07-03 12:33:34]. Disponível em

Livros & Autores

Baiôa sem data para morrer

Rui Couceiro

O Dicionário das Palavras Perdidas

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais