Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais

Vida do Grande D. Quixote de la Mancha e do Gordo Sancho Pança

Representada em 1733, foi a primeira peça de António José da Silva, "o judeu".
Esta peça denota a dificuldade do autor em estruturar corretamente um texto dramático e em lhe garantir a continuidade da intriga. Desta forma a peça é uma acumulação de quadros mal ligados entre si, uns seus e outros inspirados em Cervantes, e a divisão em duas partes não se justifica. Contudo, D. Quixote demonstra já as qualidades do dramaturgo na crítica mordaz e na observação justa.
Destacam-se as cenas em que o cavaleiro de la Mancha pensa ter descoberto a amada Dulcineia, que fora encantada, na pele do seu escudeiro Sancho Pança e a cena de Apolo, na qual D. Quixote se dirige ao Parnaso para proteger o deus da poesia dos poetastros que o maltratam. Satiriza-se assim o gongorismo e os versejadores do tempo. Na segunda parte critica-se a justiça, no episódio em que Sancho Pança é governador da Ilha dos Lagartos. O sucesso desta passagem originou a impressão da mesma em separata.
Partilhar
Como referenciar
Porto Editora – Vida do Grande D. Quixote de la Mancha e do Gordo Sancho Pança na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2022-05-20 10:53:15]. Disponível em

Livros & Autores

O Crespos

Adolfo Luxúria Canibal

Morte no estádio

Francisco José Viegas

Violeta

Isabel Allende

Bom português

puder ou poder?

ver mais

tras ou traz?

ver mais

a folha foi impressa ou imprimida?

ver mais

desfrutar ou disfrutar?

ver mais

caibo ou cabo?

ver mais

extrema ou estrema?

ver mais

brócolos ou bróculos?

ver mais