Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

1 min

Gonçalo Byrne
favoritos

Arquiteto português, Gonçalo Sousa Byrne nasceu em 1941, em Alcobaça, tendo-se formado pela Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa em 1968.

Estagiou com o arquiteto Raul Chorão Ramalho (n. 1914, autor de diversos edifícios de prestígio na década de 60 em Lisboa e da embaixada de Portugal em Brasília), entre 1969 e 1974 trabalha no atelier dos arquitetos Nuno Teotónio Pereira e Nuno Portas.

Quando inicia atividade por conta própria, deixa-se claramente influenciar pela obra de Álvaro Siza Vieira, desenvolvendo uma arquitetura onde ressalta a redução linguística, o minimalismo, o uso discreto e essencial dos materiais locais, a adaptação formal ao ambiente construído ou natural.

Entre as suas primeiras obras está o conjunto de habitação económica para Chelas, Lisboa (1972-1978).
Em 1982 projeta a agência da Caixa Geral de Depósitos da Vidigueira (com Reis Cabrita) que lhe valerá o Prémio Nacional de Arquitetura de 1988.

Vencedor de numerosos concursos de arquitetura, entre os quais o projeto do Parque de Exposições de Braga e o projeto do Departamento de Engenharia Eletrotécnica da Universidade de Coimbra.

Recebeu o Prémio da Associação Internacional dos Críticos de Arte em 1988 e a Grande Medalha de Ouro da Academia de Arquitetura de Paris em 2000.

Exerce atividade docente no departamento de arquitetura da Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade de Coimbra.

A 13 de abril de 2005 recebeu o doutoramento Honoris Causa da Universidade Técnica de Lisboa.

Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – Gonçalo Byrne na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-05-30 10:56:49]. Disponível em

Geração D

Carlos de Matos Gomes

Amar em caso de emergência

Vera dos Reis Valente

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe