Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

O Livro de San Michele

Axel Munthe

Peregrinação

Fernão Mendes Pinto

1 min

Porky Pig
favoritos

Personagem do cinema de animação e da banda desenhada (BD), Porky Pig apareceu pela primeira vez em 1935, tendo sido criado por Friz Freleng, para a Warner Bothers (Estados Unidos da América).
A sua primeira aparição no grande ecrã verificou-se no filme I Haven't Got a Hat (1935), com que Porky rapidamente conquistou o público. Seguiu-se Gold Diggers of'49 (1936), primeiro filme dirigido pelo inigualável Tex Avery, num ano em que o porquinho tímido que gagueja apareceu em mais dezasseis filmes. Em 1937 Porky Pig protagonizou um número idêntico de fitas.

Com o maior protagonismo de Daffy Duck e de Bugs Bunny, também personagens da Warner Bothers, criados posteriormente, Porky passou a surgir como personagem secundária nos filmes do pato e do coelho mais loucos da animação, mas também do gato Sylvester.
O filme The Swooner Crooner (1944), dirigido por Frank Tashlin, valeu a Porky Pig uma nomeação para os Óscares da Academia.
O seu último filme animado de curta duração foi Corn on the Cop (1965).

Nos EUA, durante a década de 60 do século XX, Porky e amigos surgiram em força com o advento da televisão, pela reposição dos antigos filmes feitos para os cinemas e pelas novas séries animadas que foram sendo concebidas pela Warner para o pequeno ecrã. Por outro lado, Porky e companhia participaram na longa metragem da Warner Brothers, Space Jam (1996), onde aparece também o célebre basquetebolista Michael Jordam.
A sua passagem à BD aconteceu na revista Looney Tunes and Merrie Melodies Comics, publicada entre 1941 e 1962. Apareceu também na revista Porky Pig, que se publicou nos EUA entre 1942 e 1962, tendo sido recuperada em 1965 pela editora Gold Key Comics, que a publicou até 1984.

Das histórias surgidas em BD, sem qualquer relevância estética, há a curiosidade de Carl Barks (o criador do Tio Patinhas) ter desenhado um episódio de Porky Pig em 1944.
Sem gozar da impressionante popularidade dos seus compinchas Daffy Duck e, sobretudo, Bugs Bunny, Porky Pig revela-se uma das mais simpáticas personagens do universo Warner.

Partilhar
  • partilhar whatsapp
Como referenciar
Porto Editora – Porky Pig na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2024-02-24 16:50:35]. Disponível em

Deus na escuridão

Valter Hugo Mãe

O Livro de San Michele

Axel Munthe

Peregrinação

Fernão Mendes Pinto