TEMPOS
nome masculino plural de tempo

tempo

tem.po
ˈtẽpu
nome masculino
1.
sucessão de momentos em que se desenrolam os acontecimentos
2.
parte da duração ocupada por acontecimentos
3.
período contínuo e indefinido no qual os eventos se sucedem; duração
4.
época em que se vive
5.
período considerado em relação a determinados acontecimentos; época, conjuntura
6.
duração limitada (em oposição ao conceito de eternidade)
7.
momento propício; ocasião, oportunidade
8.
época própria para certas atividades; estação, quadra
9.
período determinado para a realização de algo; prazo
10.
falta de pressa; lentidão, demora, vagar
11.
FÍSICA grandeza física que se mede com base na duração de fenómenos periódicos
12.
METEOROLOGIA condições da atmosfera em dado momento e em certo lugar, em relação principalmente à temperatura e à humidade; condições meteorológicas
13.
GRAMÁTICA categoria gramatical que localiza temporalmente o que é expresso num enunciado, sendo possível exprimi-la de diversas formas: flexão verbal, verbos auxiliares, grupos adverbiais, etc.
14.
DESPORTO duração cronometrada de uma prova ou de um jogo
15.
DESPORTO cada um dos períodos em que se dividem determinados jogos
16.
MÚSICA unidade de medida da pulsação rítmica, geralmente correspondente a cada uma das partes de um compasso musical
17.
plural época
18.
plural estações
19.
plural idades
GRAMÁTICA tempo composto
tempo verbal formado por um verbo auxiliar e uma forma nominal do verbo principal
PSICOLOGIA tempo de reação
período que separa um estímulo da reação correspondente
INFORMÁTICA tempo real
modalidade de processamento de dados condicionada por um processo exterior que lhe impõe restrições de tempo
INFORMÁTICA tempo repartido
processo de fornecimento da informação a um computador, que permite que vários terminais repartam entre si o tempo de utilização de um computador central
GRAMÁTICA tempo simples
tempo verbal que não é formado com um verbo auxiliar
a seu tempo
na ocasião própria, no momento oportuno
a tempo
oportunamente, pontualmente
a tempo e horas
no momento adequado
FÍSICA constante de tempo
tempo necessário para que uma quantidade física, que diminui exponencialmente com o tempo, atinja o valor 1/e do valor inicial (e = base dos logaritmos neperianos)
dar tempo ao tempo
esperar com paciência
de tempos a tempos
de vez em quando, ocasionalmente
em dois tempos
de modo muito rápido, num abrir e fechar de olhos
matar o tempo
procurar entreter-se
na noite dos tempos
em época remota
nos tempos afonsinos
em época muito remota
Do latim tempu-, «idem»
Como referenciar: tempo in Dicionário infopédia da Língua Portuguesa [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-26 01:07:06]. Disponível na Internet:

PROVÉRBIOS

  • A quem sabe esperar o ensejo, tudo vem a tempo e a seu desejo.
  • A razão é o fruto do tempo, as paixões de todos os momentos.
  • A seu tempo se colhem as pêras.
  • A seu tempo vêm as uvas e as maçãs maduras.
  • Amigo de bom tempo, muda-se com o vento.
  • Amor que nasce súbito mais tempo leva a curar.
  • Ao perigo com tento, ao remédio com tempo.
  • Aproveita enquanto é tempo.
  • As coisas querem-se com tempo, peso e medida.
  • Atrás de tempo, tempo vem.
  • Boa é a neve que a seu tempo vem.
  • Boa noite após mau tempo, traz depressa chuva ou vento.
  • Cesteiro que faz um cesto, faz um cento, dando-lhe verga e tempo.
  • Com o tempo descobre-se a verdade; tal como o azeite vem sempre à tona.
  • Console-se quem penas tem, que atrás do tempo, tempo vem.
  • Em poder do homem está o lugar que não o tempo.
  • Em tempo de cuco, pela manhã molhado e à noite enxuto.
  • Em tempo de figos não há amigos.
  • Em tempo de guerra, mentiras por mar e por terra.
  • Em tempo de guerra não se limpam armas.
  • Em tempo e lugar o perder é ganhar.
  • Estaca nova de oliveira velha, no tempo da flor é cortar e pôr.
  • Gaivotas em terra sinal de bom tempo.
  • Há um tempo para amar e outro para odiar.
  • Metade da obra tem feito quem começa com tempo.
  • Mudado o tempo, mudado o pensamento.
  • Mudam os ventos, mudam os tempos.
  • Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades.
  • No tempo das perdizes, tanto mentes quanto dizes.
  • No tempo dos cravos, se conhecem os parvos.
  • No tempo do cuco, tanto está molhado como enxuto.
  • No tempo em que se come, não se envelhece.
  • No tempo quente, refresca o ventre.
  • Nunca vai mau tempo se não vai vento.
  • O bom saber é calar até ser tempo de falar.
  • O tempo e a honra uma vez perdidos nunca mais se encontram.
  • O tempo rói o ferro, quanto mais o amor.
  • Ouvir missa não gasta tempo, dar esmola não empobrece.
  • Para boa colheita, pede bom tempo a Deus, pelas têmporas de S. Mateus.
  • Para pagar e morrer sempre é tempo de o fazer.
  • Por São Tomé, todo o tempo noite é.
  • Se chove, chuva, se neva, neve, que se não há vento, não faz mau tempo.
  • Se não houvesse vento, não havia mau tempo.
  • Sofra quem penas tem, que atrás do tempo, tempo vem.
  • Tem cuidado para o ganhar, que o tempo fica para o gastar.
  • Tempo traz tempo e chuva traz vento.
  • Tempos de guerra, mentiras por mar e por terra.
  • Tudo tem o seu tempo e os nabos pelo Advento.
VER +