língua

lín.gua
ˈlĩɡwɐ
nome feminino
1.
órgão mais ou menos musculoso e móvel, tipicamente alongado, existente na cavidade bucal, que serve para a degustação e a deglutição e, no homem e em alguns animais, tem um papel importante na articulação dos sons
2.
(aves) hipofaringe
3.
sistema constituído por palavras e por regras gramaticais que permitem a construção de frases e que é usado como meio de comunicação, falado ou escrito, pelos membros de uma mesma comunidade linguística; idioma
4.
objeto (ou parte dele) com a forma daquele órgão
5.
ZOOLOGIA parte da armadura bucal de alguns insetos
6.
ICTIOLOGIA (Synaptura lusitanica) peixe teleósteo, comestível, da família dos Pleuronectídeos, de corpo achatado, presente na costa marítima portuguesa, também conhecido por azevia, língua-de-vaca, etc.
7.
ICTIOLOGIA (Dicologlossa cuneata) peixe de distribuição atlântica e mediterrânica, tem corpo achatado, alongado e mais estreito na parte posterior, com ambos os olhos na face superior e apresenta coloração acastanhada com pequenas manchas escuras, podendo atingir cerca de 30 centímetros de comprimento
nome de 2 géneros
antiquado intérprete; turgimão
língua comprida
a língua do maledicente
língua de pau
linguagem estereotipada, sobretudo dos políticos
língua de prata
pessoa maldizente
língua oc
língua românica que se falava, na Idade Média, no Languedoque (Languedoc), região da França ao sul do Loire, compreendendo os dialetos provençal, limusino e gascão
língua d´oïl
língua românica falada, na Idade Média, a norte do rio Loire, em França, compreendendo os dialetos normando, anglo-normando e picardo
língua gestual
língua com regras gramaticais e vocabulário próprios, expressa por gestos, especialmente das mãos, utilizada geralmente por pessoas com dificuldades auditivas
língua gestual portuguesa
língua da comunidade surda portuguesa, com estatuto de língua oficial em Portugal (a par do português e do mirandês), cuja produção se processa através de gestos e das expressões facial e corporal, sendo a perceção efetuada através da visão
língua materna
língua adquirida por um falante na primeira infância (dos 0 aos 3 anos), em ambiente natural
língua morta
língua que não é usada por nenhuma comunidade linguística mas que é conhecida através de documentos escritos
língua viperina
pessoa maldizente
dar à língua
falar muito, ser indiscreto
morder a língua
1.
abster-se de dizer (algo que se ia pronunciar ou que se tem vontade de dizer)
2.
arrepender-se de ter dito (algo que se provou ser despropositado, inconveniente, injusto, etc.)
não ter papas na língua
falar sem rodeios, dizer tudo o que sabe, ser franco
pagar com língua de palmo
ser coagido a pagar
puxar pela língua a
levar alguém a dizer ou a revelar o que se deseja saber
saber alguma coisa na ponta da língua
saber alguma coisa muito bem ou de cor
ter alguma coisa debaixo da língua
estar quase a lembrar-se de alguma coisa
Do latim lingŭa-, «idem»
Como referenciar: língua in Dicionário infopédia da Língua Portuguesa [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-09-16 17:14:02]. Disponível na Internet:

PROVÉRBIOS

  • A língua não mente o que o coração sente.
  • Burro velho não aprende línguas.
  • Lá vai a língua onde dói o dente.
  • Língua comprida, mentira maior.
  • Língua ajuizada é sempre moderada.
  • Quem língua tem, a Roma vai e de Roma vem.
  • Quem tem língua a Roma vai e vem.
VER +

CITAÇÕES

  • "Manejar sabiamente uma língua é praticar uma espécie de feitiçaria evocatória."Charles Baudelaire
  • "Sem uma língua comum não podem concluir-se os negócios."Confúcio
  • "Cada citação contribui com algo para a estabilidade e o alargamento da língua."Samuel Johnson