retina

nome feminino
Membrana neuroepitelial delgada que cobre o interior da porção posterior do globo ocular e a face posterior da íris. É a membrana mais interna das membranas que formam o globo ocular e recebe as imagens focadas através da córnea e do cristalino. A retina contém células nervosas com ação muito específica (bastonetes e cones), que convertem a energia luminosa em impulsos nervosos e uma rede de ligação e integração, que conduz esses impulsos ao cérebro através do nervo ótico. Do ponto de vista funcional, a retina subdivide-se em retina cega (retina anterior cílio-iriniana) e retina visual (retina posterior), sendo a zona de separação entre estas duas partes da retina, situada adiante da linha equatorial do olho, denominada ora serrata. No centro da retina está situada a mácula lutea, que contém no seu centro a fóvea, onde, por sua vez, está situada a fovéola. A fovéola não contém vasos sanguíneos nem bastonetes, mas sim uma grande concentração de cones e é a zona de visão mais precisa e detalhada.
Do latim retina e de rete «rede»
Porto Editora – retina no Dicionário infopédia de Termos Médicos [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-11-30 06:24:56]. Disponível em