Abd-El-Krim

Abd-el Krim, mais conhecido por Abdalcrime, nasceu em 1882, em Tafersit, e morreu em 1953, no Cairo. Foi aluno da Faculdade de Teologia de Fez e juiz do distrito espanhol de Melilha. O seu nome completo era Mohamed Bem Abdalcrime Cátabi. Notabilizou-se por uma importante revolta marroquina contra a ocupação da Espanha e da França. Em 1921, Abdalcrime iniciou a revolta, acabando por derrotar os espanhóis em Dar Abara e, em 1922, aniquilou-os em Anual, fazendo-se proclamar emir do estado libertado dos Cabilas do Rife.
Em 1925, ultrapassou as linhas da fronteira do protetorado francês o que lhe permitiu atacar Fez, tendo-lhe sido oferecido o título de califa no Oriente, estabelecendo a sua capital em Ajdir.
Em 1926, Ibne Abdalcrime viu-se obrigado a pedir asilo aos franceses, dado que os berberes se revoltaram, pondo-se ao lado do califa Mulei, na sequência dos contactos feitos por inúmeros países com Abdalcrime para obter concessões mineiras no seu território. Os franceses exilaram-no na ilha da Reunião, de onde conseguiu evadir-se em 1947. Foi acolhido no Cairo, onde acabou por falecer.
Como referenciar: Abd-El-Krim in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-21 16:42:00]. Disponível na Internet: