ácido aspártico

O ácido aspártico, também designado de ácido amino-succínico, é um aminoácido de fórmula molecular HOOC-CH(NH2)-CH2-COOH. Possui um grupo carboxílico na sua cadeia lateral, pelo que apresenta características ácidas.
O seu nome racional é aminobutanodióico. É também designado de ácido asparagínico, nome histórico que provém do facto de se poder obter da sua amida a asparagina, por aquecimento com ácidos fortes. Na Natureza, está presente nos espargos, beterrabas, folhas leguminosas, entre outros elementos. O ácido aspártico é um constituinte de muitas proteínas. O seu papel bioquímico reside essencialmente na síntese dessas proteínas, mas apresenta também interesse bioenergético, sofrendo reações de transaminação a partir do L-glutarato ou desaminação originando compostos que podem ser oxidados com produção simultânea de energia vital.
Este ácido é biosintetizado a partir do oxaloacetato.
Nos vegetais e em alguns microrganismos degrada-se em fumarato e amoníaco, atuando como catalisador a enzima aspartase.
Como referenciar: Porto Editora – ácido aspártico na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-20 18:29:18]. Disponível em