ácido lático

O ácido lático, também designado por ácido a-hidroxipropiónico ou ácido
2-hidroxipropanóico, é um ácido carboxílico alifático, de fórmula molecular
CH3-CH(OH)-COOH. Possui um átomo de carbono assimétrico, existindo, portanto, em duas formas isómeras oticamente ativas, D-lático e L-lático e sob a forma de racemato. É um líquido inodoro, transparente, higroscópico e espesso, com um sabor azedado. É também um composto orgânico de frequente ocorrência natural. Surge como produto da ação das bactérias láticas na fermentação do açúcar do leite (lactose), do amido e da glucose, assim como da acidificação de vegetais. No tecido muscular aparece como produto final da glucólise anaeróbica, por redução do ácido pirúvico, e o seu nível no sangue aumenta após uma intensa atividade muscular, podendo causar cãibras.
O ácido lático pode ser obtido tecnicamente por fermentação lática do amido dos cereais e batatas com o auxílio de bactérias láticas.
Também pode ser sintetizado pela hidrólise de cianohidrino de etanal ou por oxidação de propano-1,2-diol usando ácido nítrico diluído.
O ácido lático aplica-se em curtumes (no curtimento de peles), como antisséptico em medicina, como conservante e acidificante na indústria alimentar e como componente de fermento químico.
Os ésteres do ácido lático utilizam-se como solventes técnicos e são denominados de lactatos.
Como referenciar: ácido lático in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-09-24 13:21:20]. Disponível na Internet: