alforria

A manumissão ou alforria (palavra derivada do árabe "al-hurryâ") consistia na libertação dos servos e escravos pelo seu dono ou senhor. A alforria podia ser restrita, no caso de serem impostas condições, ou completa, se fosse total e livre de qualquer restrição. Estes dois modelos foram frequentes durante as ocupações visigoda e árabe da Península Ibérica, passando a ser o mais frequente o da alforria completa a partir do século XII. A alforria, vulgarizada com o surgir dos grémios e a evolução social que representou o surgimento e complexificação das cidades, era concedida através de uma carta (também denominada de ingenuidade ou de manumissão). A carta de alforria também designava, em Coimbra, a isenção de um conjunto de limitações normalmente impostas pelos veteranos universitários aos estudantes mais jovens. As razões para a concessão desta carta eram, entre outras, os talentos excecionais em declamar e compor poesia ou em cantar e tocar algum instrumento.
Como referenciar: alforria in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-19 17:25:57]. Disponível na Internet: