Amadis de Gaula

Desconhece-se a autoria, termo de redação e origem desta obra, reclamando portugueses e espanhóis a sua paternidade. A 1.ª edição, em Saragoça, data de 1508 e refunde materiais manuscritos da primeira metade do século XV. Recriando a tradição artúrica, descreve o itinerário heroico do protagonista, Amadis de Gaula, desde os amores dos progenitores até ao seu casamento com Oriana, consumado após a superação de numerosas aventuras com que o autor maneja e adia a expectativa de um final feliz para os amantes. Modelo de poeta e cortesão, valeroso defensor da honra, da fé e de um amor regido pelos cânones do amor cortês, o Amadis exerceu uma ampla projeção na cultura e literatura de Quinhentos, nomeadamente sobre os livros de cavalaria, embora também tenha servido de inspiração para outros géneros literários.
Como referenciar: Amadis de Gaula in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-03-20 10:57:01]. Disponível na Internet: