Anákis

Distinguido com "Menção Honrosa" no concurso comemorativo do 60.° aniversário da Sociedade Portuguesa de Autores, nesta peça, publicada em 1986, Abel Neves "persegue a tensão conflitual do mito, procura desocultar a sua poética", numa "tentação de um teatro que aspira a horizontes mais largos, a viagens menos efémeras" (Carlos Porto, Anákis). Escrita segundo os moldes da tragédia antiga, em Anákis, acima da intriga, é a palavra que domina com a sua força poética.
Como referenciar: Anákis in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-18 04:36:28]. Disponível na Internet: