ATX

Especificação standard presente no desenho e fabrico de caixas de computadores, motherboards, fontes de alimentação, etc.
O modelo, ou arquitetura, ATX foi inventado, em 1995, pela empresa norte-americana Intel Corporation.
Um "form fator" ou especificação descreve a apresentação geral de uma caixa de sistema, o posicionamento das slots nas traseiras da caixa e a forma como as principais componentes do sistema se vão integrar dentro da caixa. Existem três componentes principais que têm de se ajustar em termos do seu "form fator" (especificação de fabrico): a caixa, a fonte de alimentação e a motherboard.
A especificação ATX foi concebida com a finalidade de se tornar um modelo standard na indústria dos PCs e desenhada de modo a representar uma mais-valia para o PC. Esta especificação define uma nova norma que permite aos fabricantes de computadores construir produtos mais económicos, mais fáceis de manejar e introduzir com mais facilidade funcionalidades de Input/Output (Entrada/Saída).
A ATX surgiu como uma evolução da especificação antecessora a Baby-AT. A grande diferença entre ambas reside no facto de, na ATX, a caixa de sistema se apresentar na vertical e, por conseguinte, a motherboard também sofreu uma rotação de 90 graus.
Uma motherboard ATX tem também uma especificação e arquitetura diferentes das suas antecessoras uma vez que a localização das suas componentes é diferente e apresenta mais slots de expansão que permitem a adição de diversos dispositivos tais como placas de rede, de vídeo, de som, joysticks, modems, etc.

Como referenciar: ATX in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-18 06:51:48]. Disponível na Internet: