Barragem de Castelo de Bode

A barragem de Castelo de Bode situa-se no distrito de Santarém, no concelho de Tomar.
Com uma extensão de cerca de 60 quilómetros, esta reserva de água alimentada pelo curso do rio Zêzere, abastece a região de Lisboa, num total de, aproximadamente, três milhões de pessoas.
Entrou em funcionamento em 1951 e, nessa altura, o objetivo principal era reter as águas provenientes do maciço da serra da Estrela para a produção de energia elétrica. Só mais tarde se procedeu ao abastecimento da Grande Lisboa. Castelo de Bode é uma barragem em arco abóbada, com 115 metros de altura. Pertence à bacia hidrográfica principal do Tejo e possui uma bacia hidrográfica própria de 1 339 680 km2.
A sua albufeira tem uma capacidade total de armazenamento de 1 095 000 x 103 m3 e uma capacidade útil de 902 500 x 103 m3. A superfície inundável ao NPA (Nível Pleno de Armazenamento) é de 3291 hectares .
As cotas de água na albufeira são: NPA de 121,50 metros, e NMC (Nível Máximo de Cheia) de 122,00 metros e NmE (Nível Mínimo de Exploração) de 79 metros. A capacidade do descarregador é de 4200 m3/s e o escoamento médio anual é de 1332 hm3.
Como referenciar: Barragem de Castelo de Bode in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-22 01:03:21]. Disponível na Internet: