Bento VII

Papa italiano, era conde de Tusculum, bispo de Sutri e pertencia à família de Alberico II, tendo os primeiros tempos do seu pontificado sido perturbados pela investida de Franco (ou Bonifácio VII), em 980, numa tentativa de se apoderar de novo da cátedra de São Pedro. Nesta ocasião, Bento VII foi obrigado o fugir de Roma, até à retomada da cidade pela milícia imperial.
Durante o seu papado, de outubro de 974 a 10 de julho de 983, realizaram-se diversos sínodos, onde se proporcionou uma crescente liberdade aos mosteiros, permitindo o seu desenvolvimento, e se tomaram disposições jurídicas a aplicar em territórios alemães.
Bento ordenou o restauro do mosteiro dos santos Bonifácio e Aleixo, colocando-o sob a égide do patriarca Sérgio de Damasco, que tinha fugido dos muçulmanos.
Foi sepultado na basílica de Santa Cruz, em Roma.
Como referenciar: Bento VII in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-22 12:27:33]. Disponível na Internet: