Bette Midler

Cantora e atriz norte-americana, Bette Midler nasceu a 1 de dezembro de 1945, no Hawai. Desde cedo, demonstrou ter dotes vocais, atuando em pequenos clubes, cantando temas de Bing Crosby e de Frank Sinatra. Depois de se ter licenciado em Artes Dramáticas na universidade da sua cidade natal, participou como figurante em filmes juvenis, ao mesmo tempo que deu continuidade à sua carreira musical. Participou em alguns espetáculos da Broadway e, em 1974, conheceu o cantor e compositor Barry Manilow que lhe produziu o álbum The Divine Miss M (1976), que chegou ao Top 5 dos mais vendidos nos Estados Unidos. Aliás, Midler optou por promover o seu trabalho de forma insólita, atuando principalmente em cabarets gay, ao lado de Manilow. Decidiu que era altura de regressar ao cinema, mas, desta vez, como protagonista. E o regresso não podia ter sido melhor: foi nomeada para o Óscar de Melhor Atriz pelo filme The Rose (A Rosa, 1979), em que encarnou a personagem duma cantora (que muitos críticos asseguram ser um retrato de Janis Joplin) no auge do sucesso, que tenta lutar contra o álcool e as drogas. O filme conheceu relativo sucesso e Midler passou a ser comparada a Barbara Streisand, devido à dupla faceta de cantora-atriz de sucesso. Contudo, a incursão seguinte de Midler no cinema foi catastrófica: Jinxed (Maré de Azar, 1982) fez jus ao nome e foi um fracasso de bilheteira, consequência também de boatos sobre conflitos entre Midler e o realizador Don Siegel e o ator Ken Wahl, no decorrer das filmagens. Desmoralizada, regressou às canções, mas um convite do realizador Paul Mazursky fê-la mudar de ideias: protagonizou a comédia Down and Out in Beverly Hills (Um Vagabundo na Alta Roda, 1985). A partir daí, iniciou uma colaboração com os estúdios Disney, protagonizando as comédias Ruthless People (Por Favor Matem a Minha Mulher, 1986), Outrageous Fortune (Que Sorte Danada, 1987) e Big Business (Cuidado com as Gémeas, 1988). Voltou a temas dramáticos, granjeando uma nova nomeação para o Óscar de Melhor Atriz com For the Boys (Dias de Glória... Dias de Amor, 1991), no papel de Dixie, uma cantora que acompanha um cómico (James Caan) em digressão pelas tropas americanas, durante a Segunda Guerra Mundial. A partir daí, concentrou-se na sua carreira musical, intercalando-a com algumas aparições em telefilmes e participações especiais em séries cómicas como Seinfeld (1991-98) e The Nanny (Competente e Descarada, 1992-99).
Como referenciar: Bette Midler in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-16 11:21:35]. Disponível na Internet: