Bon Jovi

Banda rock norte-americana, formada em Sayreville, New Jersey, em 1984, por John Francis Bongiovi (voz), David Rashbaum (guitarra), Dave Sabo (guitarra), Alec John Such (baixo) e Tico Torres (bateria).
Bongiovi era um jovem fascinado pela música, que tocava com o seu amigo David Rashbaum, em bandas de New Jersey, onde nasceu. Estabeleceu um contacto mais direto com a música quando um primo lhe ofereceu um emprego de porteiro no estúdio de gravação Power Station, do qual era dono. Pouco tempo depois, trocou a porta pelo estúdio e aproveitou a oportunidade para começar a gravar maquetas com músicos famosos, caso de alguns membros da E Street Band (banda suporte de Bruce Springsteen). Uma dessas maquetas, "Runaway", tornou-se num êxito da rádio local de New Jersey e foi então que o aspirante a estrela sentiu a necessidade de formar uma banda.
Conseguido um contrato com a Polygram/Mercury, Jon passava então a ser conhecido por Jon Bon Jovi e, em seguida, os restantes membros eram recrutados para o projeto intitulado, na altura, Jon Bongiovi and The Wild Ones. Antes da entrada em estúdio, da qual resultaria a edição do álbum de estreia da banda, já como Bon Jovi, Sabo foi substituído por Richie Sambora e Bon Jovi, o álbum de estreia, era editado em 1984, tendo, no ano seguinte, sido a vez de 7800 Degrees Farenheit, dois álbuns cujo nível de vendas não satisfez a avidez de sucesso dos músicos. O início de carreira foi mais difícil do que se possa pensar, mas o talento, aliado a uma campanha de marketing bem montada, constitui um bom exemplo de onde se pode chegar. Insatisfeitos com o escasso sucesso conquistado com os seus dois primeiros álbuns, os músicos mudaram a sua estratégia.
Não querendo correr mais riscos, os Bon Jovi contrataram o letrista profissional Desmond Child, que já tinha trabalhado com Aerosmith, Kiss e Cher, e produziram um conjunto de 30 canções que testaram posteriormente com adolescentes de Nova Jersey e de Nova Iorque, através da realização de concertos. As reações dos jovens foram determinantes para a seleção das músicas a incluir no álbum Slippery When Wet, editado em 1986. O passo seguinte foi embrulhar os 10 temas mais votados numa embalagem envolta em papel apelativo, o que consistiu em colocar na capa do álbum uma imagem ao estilo "miss t-shirt molhada", que viria a dar uma boa ajuda para o volume astronómico das vendas (mais de 18 milhões de cópias), que veio assim possibilitar aos Bon Jovi a conquista do tal estatuto de estrelas de rock. A fórmula utilizada parece ter resultado na perfeição, uma vez que a banda voltou a recorrer ao segredo do seu sucesso em 1988, aquando da edição de New Jersey.
Só em 1986 viram bem demarcado o seu lugar no pátio da fama, à conta de temas como "You Give Love a Bad Name", "Livin' On a Prayer" e "Wanted Dead or Alive", todos eles incluídos em Slippery When Wet. Seguiu-se um interregno de quatro anos, durante o qual os músicos se dedicaram a projetos paralelos. O regresso dos Bon Jovi aconteceu em 1992, com o álbum Keep the Faith, ao qual sucedeu o best of de 1994 (ano em que Hugh McDonald entrou para o baixo), intitulado Cross Road, no qual foram incluídos dois temas inéditos, "Always" e "Someday I'll Be Satuurday Night". Durante o intervalo compreendido entre These Days, de 1995, e Crush, editado em 2000, Jon Bon Jovi lançou o álbum a solo Destination Anywhere, em 1997, e experimentou também o mundo do cinema e da televisão.
Em 2001, o grupo editou o seu primeiro disco ao vivo, One Wild Night, onde revive os maiores êxitos da sua carreira. No ano seguinte, o regresso foi feito em formato original, com o álbum Bounce, apresentado em primeira mão ao vivo num espetáculo em Londres no dia 18 de setembro, com direito a transmissão para todo o mundo via Internet.
Como referenciar: Bon Jovi in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-16 09:02:01]. Disponível na Internet: