Buster Keaton

Ator e realizador de cinema cómico norte-americano nascido em 4 de outubro de 1895 e falecido em 1 de fevereiro de 1966. Em Portugal, tornou-se conhecido por Pamplinas e os seus filmes tornaram-se extremamente populares. Filho dum casal de atores de vaudeville, aos três anos já trabalhava como acrobata e poucos anos depois como cantor e ator. Em 1917, era já um ator reconhecido na Broadway devido à sua versatilidade cómica e capacidade de improviso, o que levou o seu colega Fatty Arbuckle a convidá-lo para um papel secundário em The Butcher Boy (1917), filme que marcaria a sua estreia cinematográfica. O filme foi um sucesso, tendo os produtores de Hollywood considerado que estavam em presença dum ator cómico à imagem de Charles Chaplin. Entre 1917 e 1923, protagonizará perto de trinta curtas-metragens cómicas que farão dele a estrela mais bem paga de Hollywood a seguir a Chaplin. A sua primeira longa-metragem foi The Three Ages (1923), a que se seguiram The Navigator (O Navegante, 1924), que também realizou, College (O Colegial, 1927), The General (Pamplinas Maquinista, 1927) e Stemboat Bill Jr. (O Marinheiro de Água Doce, 1928). Em 1928, tudo parecia ir de vento em popa quando a MGM lhe ofereceu um contrato vitalício que lhe garantia absoluto controlo artístico. Mas a sua vida pessoal estava muito conturbada mercê dum divórcio litigioso o que o levou a refugiar-se no álcool. Como consequência, a qualidade das suas prestações começou a diminuir drasticamente, facto a que também não foi alheio o advento do sonoro no cinema. Inadaptado, a MGM começou a despromovê-lo para papéis secundários em comédias musicais, até que, em 1934, decidiu rescindir unilateralmente o seu contrato, alegando falta de cumprimento. Com problemas fiscais, trabalhou como argumentista e ator de filmes B até 1937, ano em que foi trabalhar para o Circo Medranne de Paris. Em meados da década de 40, recebeu convites para filmar no México, salientando-se El Moderno Barba Azul (Pamplinas na Lua, 1946). Na década de 50, o seu nome foi reabilitado em Hollywood: participou ativamente em algumas séries televisivas e protaganizou em 1952 um dos mais belos e inesquecíveis momentos da História do cinema quando fez um dueto cómico com Charles Chaplin em Limelight (Luzes da Ribalta, 1952). Continuou a participar em comédias: trabalhou sob a direção de Stanley Kramer em It's a Mad, Mad, Mad, Mad World (O Mundo Maluco, 1963) e teve participações secundárias em Sargeant Deadhead (O Sargento Trapalhão, 1965) e A Funny Thing Happened on the Way to the Forum (1966), onde encarnou um divertido gladiador no seu último desempenho.
Como referenciar: Buster Keaton in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-04-02 13:42:32]. Disponível na Internet: