cataforese

A cataforese consiste num deslocamento para o cátodo de partículas coloidais carregadas positivamente, em suspensão num líquido, devido a um campo elétrico.
A cataforese não é mais do que um tipo específico de eletroforese.
Esta técnica permite separar partículas coloidais carregadas eletricamente, baseando- -se na sua diferente velocidade de migração num campo elétrico.
Segundo o sentido de migração, fala-se em cataforese (em direção ao polo negativo) ou anaforese (em direção ao polo positivo).
Existem vários métodos experimentais. Num deles a amostra é colocada num tubo em U e é adicionada uma solução-tampão em cada ramo, verificando-se separações evidentes entre o tampão e amostra. Para tal, coloca-se um elétrodo em cada ramo, estabelece-se uma diferença de potencial e observa-se o movimento das separações, devido à influência do campo.
A velocidade de migração das partículas depende do campo, da carga das partículas e de outros fatores, tais como o tamanho e a forma das partículas.
Os principias domínios de aplicação da eletroforese são a bioquímica e a química analítica, sendo um dos processos mais usados para a separação de proteínas. Também se pode aplicar na medicina, por exemplo, para separar e investigar diversas proteínas do plasma sanguíneo devido às suas diferentes velocidades de migração.
Na indústria, a eletroforese tem aplicação, entre outros fins, no envernizamento por imersão.

Como referenciar: cataforese in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-24 23:30:19]. Disponível na Internet: