Celeste Malpique

Psiquiatra e psicanalista portuguesa, Celeste Brasil Soares Malpique, nascida em 1930, em Lisboa, é licenciada em Medicina (1958), especialista em Psiquiatria (1962) e Pedopsiquiatria (1967). Doutorou-se em 1985 no Instituto de Ciências Biomédicas "Abel Salazar" da Universidade do Porto e foi regente da disciplina de "Psicologia Médica" do 4.º ano da Licenciatura em Medicina do mesmo Instituto. Desde 1993 ocupa o cargo de Diretora do Departamento de Pedopsiquiatria do Hospital de Crianças Maria Pia do Porto. Em 1994 foi Presidente do Colégio da Especialidade de Pedopsiquiatria da Ordem dos Médicos e representante nacional na Europa - VEMS. No ano de 1995 assumiu a Vice-presidência da Sociedade Portuguesa de Psicanálise.
Psiquiatra, e psicanalista didata (desde1992), tem tido um papel preponderante na sedimentação da psicologia e psiquiatria em Portugal. Entre outros aspetos, organizou em 1965 o primeiro serviço de Psiquiatria Infantil no Porto (Região Norte) e em 1999 fez parte da comissão que fundou o Instituto de Psicanálise do Porto. Para além de ter participado em inúmeros congressos nacionais e internacionais, de ter dirigido diversos seminários e de ter orientado ou participado em vários mestrados e doutoramentos, Celeste Malpique tem ainda realizado e publicado diversos trabalhos de investigação. Da sua já extensa obra que conta com mais de trinta publicações em revistas nacionais e estrangeiras, destacam-se os livros: 1968, Influência da Relação Mãe-Filho no Desenvolvimento da Criança Angolana nos dois primeiros anos;
1990, Ausência de Pai;
1999, Pais/filhos em Consulta Psicoterapêutica.
Como referenciar: Celeste Malpique in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-17 23:12:18]. Disponível na Internet: