central termoelétrica

Uma central termoelétrica consiste numa instalação para a produção de energia elétrica mediante a transformação de energia de combustíveis sólidos, líquidos ou gasosos (carvão, petróleo, naftas, gás natural). Estes combustíveis, que são fontes de energia primária não renovável, são queimados e o calor libertado é transferido para a água, aquecendo-a e transformando-a em vapor. O vapor de água assim obtido vai acionar as pás das turbinas que, por sua vez, movimentam os ímanes dos geradores elétricos, que vão produzir corrente elétrica alternada. Esta corrente elétrica, através da rede de distribuição, é levada até nossas casas.
Sendo a fonte de energia utilizada neste tipo de central uma fonte não renovável, o seu uso depende das reservas naturais de combustíveis existentes no mundo. Embora o carvão seja abundante, tornando-se, portanto, uma fonte de energia barata, o seu uso nas centrais termoelétricas levanta muitos problemas de poluição. Diariamente, são queimados, em todo o mundo, milhares de toneladas de carvão. Os produtos resultantes da combustão são o dióxido de carbono, dióxido e trióxido de enxofre e grandes quantidades de poeiras, que vão para a atmosfera.
Atualmente, as chaminés das centrais são altas e já dispõem de filtros adequados, que retêm uma parte apreciável das partículas sólidas em suspensão. Por outro lado, a altura das chaminés evita a poluição da camada mais baixa da atmosfera, mas faz com que as emissões gasosas sejam lançadas para a alta atmosfera, contribuindo para o efeito de estufa. Há, pois, necessidade de um maior desenvolvimento tecnológico, de modo a diminuir o impacte ambiental deste tipo de centrais.
Cerca de 72% da energia elétrica em Portugal provém das centrais termoelétricas.
Como referenciar: central termoelétrica in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-12 21:15:34]. Disponível na Internet: