Chow Yun-Fat

Ator chinês, Chow Yun-Fat nasceu a 18 de maio de 1955 na Ilha de Lamma, em Hong Kong. Viveu a sua infância numa vila piscatória perto de Hong Kong até aos 10 anos, altura em que foi viver para esta cidade para poder estudar.
Aos 17 anos abandonou os estudos e iniciou um curso de representação na considerada maior estação de televisão de Hong Kong. No final do curso, em 1973, assinou um contrato com essa estação como ator e, em poucos anos, atingiu um estatuto de estrela nacional com a sua atuação na série dramática Hotel.
Em 1976, começou a sua carreira cinematográfica pela mão do realizador Sum Cheung no filme Chi Nu (1976), mas é em 1981 com Woo Yuet Dik Goo Si (1981), da realizadora Ann Hui, considerado o primeiro filme sério do cinema de Hong Kong, que alcança maior sucesso junto do público e da crítica. No ano de 1985, ganhou o prémio de Melhor Ator no Festival de Cinema da Ásia-Pacífico e o prémio de cinema de Taiwan pela sua atuação no filme de Leung Po-Chih Dang Doi Lai Ming (1984). Em 1986, participou no filme de culto de John Woo A Better Tomorrow (Crime em Hong Kong), que lhe granjeou o prémio de Melhor Ator da Academia de Hong Kong. Este filme teve duas sequelas, a primeira realizada também por John Woo A Better Tomorrow II (1987), e a segunda do realizador Tsui Hark A Better Tomorrow III (1989). Colaborou com John Woo em mais alguns filmes: The Killer (1989), Once a Thief (1990) e Hard Boiled, (1992), todos eles de ação que ajudaram a definir um novo tipo de herói no seu país.
Outro realizador com quem colaborou em vários filmes foi Ringo Lam, em City On Fire (1987), que lhe trouxe o seu segundo prémio de Melhor Ator de Hong Kong; Prison On Fire (1987); Wild Search (1989) e Full Contact (1992). Ganhou ainda o seu terceiro prémio de Melhor Ator de Hong Kong pelo seu papel no filme All About Ah-Long (1989), de Johnny To.
Chow Yun-Fat fez depois uma interrupção de dois anos para estudar inglês com vista a alcançar sucesso noutros países, já que tinha conquistado toda a Ásia com o seu carisma.
The Replacement Killers (Assassinos Substitutos, 1998), de Antoine Fuqua, marcou a sua estreia no cinema americano, a que se seguiu, no ano seguinte, The Corruptor (O Corruptor), de James Foley, onde contracenou com Mark Wahlberg.
Os filmes em que participa têm em comum a ação e a violência, mas o seu filme seguinte marcaria uma viragem nesse género: Anna and the King (Ana e o Rei, 1999), de Andy Tennant, é um drama épico onde interpreta o rei de Sião, atuando ao lado de Jodie Foster (no papel de Ana, a precetora dos seus filhos, por quem se apaixona).
Em 2000, entrou no mega sucesso Wo Hu Cang Long (O Tigre e o Dragão, 2000), do realizador Ang Lee, onde contracenou com Michelle Yeoh - um romance cheio de magia e aventura sobre guerreiros e amores eternos. A seguir fez Bulletproff Monk (À Prova de Bala, 2003), filme que não teve grande sucesso.
Chow Yun-Fat casou em 1983 com Candice Yu, uma estrela de televisão, mas divorciou-se no mesmo ano. Em 1986, voltou a casar, desta vez com Jasmine Chow. Foi considerado pela revista People uma das 50 pessoas mais bonitas do mundo em 2002.
Como referenciar: Chow Yun-Fat in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-18 03:29:41]. Disponível na Internet: