Clemente XIV

Papa italiano, nascido em Sant'Arcangelo della Romagna a 31 de outubro de 1705, António Ganganelli estudou em Rímini, ingressou num convento franciscano de Urbino em 1723, tomando o nome de Lourenço, voltou a estudar teologia nos conventos de Fano e Pesaro e doutorou-se nesta disciplina no Colégio de São Boaventura em Roma. Foi professor de Teologia em diversos conventos da Ordem franciscana, em 1740 foi-lhe entregue a direção do Colégio de São Boaventura e no ano seguinte nomearam-no definidor geral da Ordem de São Francisco. Em 1746 tornou-se consultor do Santo Ofício e em 1759 cardeal.
Pretendendo a paz com os monarcas europeus, conforme plasmou na encíclica Cum summi apostolatus (1769), reatou as relações com Portugal e outorgou a dignidade cardinalícia a Paulo Carvalho, irmão do marquês de Pombal. Foram também restaurados os direitos da Santa Sede em Espanha, uma vez que tinham sido suprimidos no pontificado anterior por Carlos III devido à política de Clemente XIII.
Os monarcas pressionavam cada vez mais o Sumo Pontífice para que decretasse a extinção oficial da Companhia de Jesus, começando este por tomar determinações desfavoráveis à instituição, sem assumir qualquer decisão, com a esperança que a política sofresse alguma alteração. A verdade é que se verificou precisamente o contrário e foi finalmente suprimida a Companhia no breve Dominus ac Redemptor, de 21 de julho de 1773, secularizando-se os presbíteros. O padre Ricci e principais figuras da congregação foram presos no Castel Sant'Angelo e uma comissão cardinalícia confiscou os bens da Companhia de Jesus. Como recompensa, Nápoles e França restituíram ao papa Pontecorbo, o condado de Venaissin, Avignon e Benevento. Protetor da cultura, fez também que se estabelecesse um rito misto (grego e católico) na Hungria, criou bispados em Portugal e inseriu no Índex obras de cariz marcadamente iluminista, como a Histoire philosophique, de Raynal.
O seu papado findou a 21 de setembro de 1774.
Canova esculpiu o sepulcro onde se sepultou o corpo de Clemente XIV, na igreja romana dos Santos Apóstolos.
Como referenciar: Clemente XIV in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-10-19 16:28:59]. Disponível na Internet: