Cole Porter

Entertainer norte-americano, nasceu a 9 de junho de 1891, em Indiana, e faleceu a 15 de outubro de 1964. É considerado, a par de Irving Berlin, um dos grandes mitos musicais americanos.
Teve lições de violino e piano enquanto criança, estudou Direito e Música em Harvard, cortesia de um abastado avô que lhe proporcionou uma carreira musical. Serviu no exército francês durante a 1.a Guerra Mundial e casou-se em Paris em meados dos anos 20 do século XX.
A sua lista de espetáculos e filmes é extensa. As suas letras eram sofisticadas, reveladoras de uma grande cultura, contudo, podiam ser charmosas, sugestivas e até perversas. O seu primeiro espetáculo realizou-se em Paris no ano de 1928, cidade a que nunca mais regressou, mas mantendo-a sempre no coração. Entre os seus inúmeros espetáculos, destacam-se You do Something to Me, Wake up and Dream, The New Yorkers, The Gay Divorcee, Jubilee, Leave it to Me e Kiss me Kate, onde interpretou temas como What is This Thing Called Love, Love for Sale, Anything Goes, You're the Top, Begin the Beguine e Count your Blessings.
Em 1937, devido a um acidente enquanto andava a cavalo, ficou com as pernas paralisadas.
Após a sua morte, as suas canções continuam vivas em numerosas antologias, assim como são uma enorme influência para qualquer músico americano.

Como referenciar: Cole Porter in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-21 19:57:37]. Disponível na Internet: