Colin Farrell

Ator irlandês, Colin James Farrell nasceu a 31 de maio de 1976, em Castle Knock, Dublin.

Filho de um jogador de futebol famoso nos anos 60, Eamon Farrell, é o mais novo de quatro irmãos. Uma das irmãs, Claudine, trabalha como sua assistente pessoal.

Estudou Representação na Escola de Drama de Dublin, mas não chegou a terminar o curso. Contudo, tornou-se um ator bem sucedido em duas séries da BBC, Ballykissangel (1996) e Falling For a Dancer (1998).

O seu primeiro papel no cinema foi no filme-estreia como realizador de Tim Roth, The War Zone (Zona de Guerra, 1999), um drama familiar. No entanto, as atenções da crítica e do grande público só recaíram em Colin graças à sua representação de militar no filme de Joel Schumacher Tigerland (2000). Nesta narrativa sobre os soldados americanos que em 1971 treinavam jogos de combate nos arredores da Luisiana como preparação para o Vietname, Colin faz o papel de Booz, um duro recruta. Por este desempenho recebeu o prémio de Melhor Ator pela Sociedade de Críticos de Cinema de Boston. O seu filme seguinte foi American Outlaws (2001), interpretando o papel de Jesse James.

Em 2002, entrou no filme de ficção científica de Steven Spielberg, Minority Report (Relatório Minoritário), juntamente com Tom Cruise, onde interpretou o papel do detetive Danny Witwer. No mesmo ano, e já como ator principal, entrou em The Phone Booth (Cabine Telefónica), um thriller de Joel Shumacher, com quem já tinha trabalhado em Tigerland. Aqui teve uma excelente interpretação no papel de Stu Shepard, um arrogante e manipulador publicitário que se vê literalmente preso numa cabina telefónica em Manhattan, alvo de um maníaco atirador furtivo. Stu é obrigado a rever as suas atitudes e comportamentos para com os outros na sua vida.

Entrou posteriormente no filme de Roger Donaldson The Recruit (O Recruta, 2003), onde contracenou com o seu grande ídolo de infância, Al Pacino, uma experiência que Colin definiu como aterradora por o considerar uma lenda viva.
Em Daredevil (Homem Demolidor, 2003), uma adaptação ao cinema da banda desenhada homónima da Marvel, Colin fez de um dos vilões - Bullseye, contracenando com Ben Affleck, o herói cego. Apesar de ter sido um sucesso de bilheteira, o filme não foi muito bem acolhido pela crítica. No mesmo ano, participou ainda em S.W.A.T. e iniciou as filmagens às ordens de Oliver Stone de Alexander, onde desempenhou o papel de "Alexandre, o Grande", ao lado de atores como Anthony Hopkins, Angelina Jolie e Jared Leto.

Colin Farrell casou com Amélia Warner, também atriz, em julho de 2001, mas o casamento foi muito breve, tendo terminado em novembro do mesmo ano. Em setembro de 2003, nasceu o seu filho James, fruto da sua relação com a modelo Kim Bordenave. No mesmo ano, foi considerado pela revista People umas das 50 pessoas mais bonitas do mundo.
Como referenciar: Porto Editora – Colin Farrell na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-10-25 22:22:18]. Disponível em