Contos Fantásticos

Coletânea de contos anteriormente publicados no Jornal do Comércio e na Revista Contemporânea de Portugal e Brasil, que reflete a influência das leituras de Hoffman e de Edgar Allan Poe, bem como o conhecimento da filosofia esotérica de Swedenborg. No prefácio - teoricamente ambicioso, como a generalidade dos prefácios de Teófilo -, escrito sob a forma de uma carta a José Fontana, o autor traça a génese histórica do conto, que considera uma "criação do génio céltico e germânico", transplantada "lentamente na fantasia popular", e sustenta que o conto deixou de ser individual para passar a ser "o desenvolvimento de uma tese da vida na sociedade". Embora os Contos Fantásticos, plenos de referências eruditas, reflitam mais as leituras filosóficas do seu autor do que propriamente uma imaginação de artista e não correspondam exatamente ao género fantástico, articulado com a literatura gótica, de origem inglesa, esses textos são, entre nós, em muitos aspetos inovadores, pela introdução na narrativa de meados de 60 de elementos como o estranho, o misterioso, o sinistro ou o macabro. Neste conjunto de textos ligados ao ideário romântico pelo motivo recorrente das paixões frenéticas, conducentes a suicídios, mortes, traições, renúncias extremas, encontram-se desde narrativas de carácter histórico (como "A estrela de alva", conto marítimo do século XVI, "A ogiva sombria", que retoma a lenda da construção da catedral gótica de Colónia, "Um erro no calendário", episódio da história da Inquisição em Espanha, ou "Os quatro filhos de Aymon", relato passado no cerco do Porto) a textos que refletem, já em 1865, o interesse do autor pelas literaturas tradicionais (como "As águias do norte", conto polaco, ou "A rosa de Sarón", poema em prosa), passando por abstrações poéticas ou visionárias (como "As asas brancas" e"O véu", extremamente influenciados pelas leituras de Swedenborg, ou o curioso "A lava de um crâneo").
Como referenciar: Porto Editora – Contos Fantásticos na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-09-21 12:36:02]. Disponível em