Corunha

Cidade situada no noroeste espanhol, a Corunha - ou Coruña, em espanhol - é simultaneamente capital da província com o mesmo nome e localiza-se na Comunidade Autónoma da Galiza. A cidade situa-se na margem esquerda da ria da Corunha e é banhada pelo oceano Atlântico. A província da Corunha está limitada a norte pelo mar Cantábrico, a este pela província de Lugo, a oeste pelo oceano Atlântico e a sul pela província de Pontevedra. Nesta região o clima é temperado marítimo e regista uma temperatura média anual de 14 ºC. O seu litoral inclui, a norte, as denominadas rias Baixas e uma parte das rias Altas. A costa é muito recortada, com numerosos acidentes geográficos, tais como o famoso cabo Finisterra. O relevo, em geral suave, torna-se na parte oriental desta província mais abrupto, com a presença das serras da Loba, Faladoira, Castro Maior e Barbanza, cujas altitudes variam entre os 570 e os 696 metros. A cidade regista cerca de 224 800 habitantes (2004) e a província aproximadamente 1 060 600 habitantes (2004). Um dos núcleos populacionais mais importantes da província da Corunha é Santiago de Compostela (capital da Comunidade Autónoma da Galiza).
A cidade da Corunha tem origem celta, mas também foi ocupada por Fenícios, Gregos, Romanos e Suevos. É uma cidade portuária desde o final do século XVI. A Torre de Hércules, que corresponde a um farol romano, é um dos monumentos mais emblemáticos. A Igreja de Santiago, do século XII e a Igreja de Santa Maria do Campo, do século XIII, são também de destacar.
A sua economia baseia-se na exportação de peixe, gado e vinho, sendo o seu porto simultaneamente pesqueiro, desportivo e mercantil, com molhes petrolíferos. Possui fábricas metalúrgicas, têxteis e de produtos químicos.
Como referenciar: Corunha in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-17 17:49:51]. Disponível na Internet: