D. Matilde

Era a filha mais nova de D. Afonso Henriques e de D. Mafalda. Nasceu em ano incerto e morreu em 1211, em Furnes. Aparece normalmente com o nome de Teresa, pois o nome de Matilde derivou de Mahaut, nome que lhe foi dado na Flandres. Em 1177 casou-se com o conde da Flandres, Filipe da Alsácia, apesar de D. Afonso Henriques não parecer muito entusiasta. Isto pode dever-se ao facto de este casamento não parecer trazer nenhuma vantagem política ou ao de o rei dedicar à infanta um grande afeto. No entanto era um casamento vantajoso, pois a Flandres tinha grande relevo militar, cultural e comercial, sendo a aliança apoiada inclusive por Henrique II de Inglaterra para contrariar as pretensões que o rei Filipe Augusto de França tinha ao condado.
D. Matilde não teve e filhos, e quando era já viúva negociou o casamento da filha do Imperador Balduíno, Joana, herdeira do condado, com o filho do seu irmão D. Sancho I, Fernando. Este casamento tinha como objetivo fazer com que o condado continuasse ligado a Portugal. D. Fernando foi um inteligente e prudente administrador deste condado.
Como referenciar: D. Matilde in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-07 20:13:51]. Disponível na Internet: