Dakar


Aspetos Geográficos
Capital do Senegal, Dakar situa-se no lado sul da península vulcânica de Cabo Verde, na costa atlântica. Alberga um dos melhores portos atlânticos de África, sendo um ponto de partida privilegiado para o comércio transatlântico. É a cidade africana mais ocidental, possuindo uma população estimada em 1 milhão de habitantes (2005).

História e Monumentos A cidade foi fundada em 1857 pelos franceses no local de uma aldeia de pescadores em frente da ilha de Gorée. Tornou-se capital colonial da África Ocidental francesa em 1902. Em 1959 foi capital da efémera República do Mali e no ano seguinte capital do Senegal. Nos finais da década de 70 e início da de 80 do século passado, Dakar foi ultrapassada por Abidjan, na Costa do Marfim, como principal cidade da antiga África francesa. A cidade constitui uma das 67 comunas existentes no Senegal. Foi criada pela administração da colónia francesa em 1887 e está preservada desde essa data. Um dos seus monumentos de destaque é o Forte d'Estrees, na ilha de Gorée, onde os escravos eram negociados e embarcavam nos navios. O governo senegalês transformou-o num museu.

Aspetos Turísticos e Curiosidades
Os principais pontos turísticos de Dakar incluem os grandes mercados (como o de Kermel), a Grande Mesquita (construída em 1964), a ilha de Gorée, o Museu IFAN de Cultura da África Ocidental, as praias e o Parque Hann, que alberga o Jardim Zoológico. É ainda conhecida mundialmente como o ponto de chegada de um dos ralis internacionais mais importantes. É membro da Organização das Cidades Património Mundial e uma das capitais mais sumptuosas da África Ocidental.


Economia
Dakar é um dos maiores e mais importantes centros industriais da África Ocidental, bem como o centro administrativo do país. Possui uma base naval e constitui também um nó ferroviário. As suas principais indústrias incluem o fabrico de calçado, de sabão e os têxteis. O turismo é também uma atividade importante, pois a cidade soube combinar da melhor maneira as culturas francesa e africana. A sua situação, de certa forma a meio caminho entre a Europa e a América do Sul, permitiu-lhe ter um porto e um aeroporto muitos florescentes, especialmente no final do século XX.
Como referenciar: Dakar in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-23 10:27:48]. Disponível na Internet: