Elisabeth Shue

Atriz norte-americana, Elisabeth J. Shue nasceu em Wilmington, Delawere, a 6 de outubro de 1963. Ainda estudante, entrava em anúncios de publicidade para televisão como forma de ganhar dinheiro extra. Fez mais de 50 anúncios, entre os quais para marcas como a Burger King e a maionese Hellmans.
Em 1983, estreou-se no cinema com um pequeno papel no filme Somewhere Tomorrow e, no ano seguinte, entrou em The Karate Kid (Momento da Verdade), de John G. Avildsen, no papel de Ali Mills, a namorada de Daniel (Ralph Macchio). Entrou depois em algumas séries televisivas, ao mesmo tempo que ingressou no curso de Ciência Política na Universidade de Harvard. Em 1987, participou no filme de aventuras de Chris Columbus Adventures in Babysitting e, no ano seguinte, entrou em Cocktail, realizado por Roger Donaldson, contracenando com Tom Cruise. Seguiram-se Back to the Future - Part II (Regresso ao Futuro II, 1989) e Back to the Future - Part III (Regresso ao Futuro III), onde fez de namorada de Marty (Michael J. Fox) na saga de Robert Zemeckis; e a comédia romântica The Marrying Man (Esta Loura Mata-me, 1991), ao lado de Kim Basinger e Alec Baldwin.
Mas é em 1995, com o filme independente Leaving Las Vegas (Morrer em Las Vegas), de Mike Figgis, que Shue se torna conhecida internacionalmente. Interpretou o papel de Sera, uma prostituta de Las Vegas que se envolve emocionalmente com um alcoólico disposto a beber até morrer, Ben (Nicolas Cage). O filme foi um sucesso e Shue foi nomeada para o Óscar de Melhor Atriz, para o Globo de Ouro e para o BAFTA da mesma categoria.
A partir dessa altura, Shue recebeu melhores papéis e entrou em filmes como The Saint (O Santo, 1997), de Phillip Noyce, contracenando com Val Kilmer (Simon Templar), na passagem ao cinema da famosa série dos anos 60. No mesmo ano, participou na comédia de Woody Allen Deconstructing Harry (As Faces de Harry) e, em 1998, no thriller Palmetto (Tiro pela Culatra), realizado por Volker Schlondorff. Em 2000, tem o papel de protagonista no filme de ficção científica Hollow Man (O Homem Transparente). Neste filme, interpreta Linda McKay, fazendo parte de uma equipa de cientistas que descobre uma fórmula que torna as pessoas invisíveis, mas o indivíduo que se sujeita à experiência, Sebastian Caine (Kevin Bacon), torna-se agressivo e transforma-se num assassino perturbado.
Como referenciar: Elisabeth Shue in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-09-17 11:59:03]. Disponível na Internet: