Escopídeos

Família de aves da ordem ciconiiformes que é constituída por uma única espécie, Scopus umbretta, também conhecida por ave-martelo ou umbreta do Senegal. São aves pernaltas que se encontram, em Madagáscar e determinadas regiões africanas, em zonas arborizadas. Voa com o pescoço estendido como as cegonhas, mas possui órgãos vocais semelhantes ao das garças. Tem unhas pectinadas e um quarto dedo ao nível dos restantes. O seu tamanho excede os 50 centímetros.
A ave-martelo conserva um certo prestígio entre os habitantes da África tropical, à qual prestam honra para atraírem chuva, uma pesca abundante ou uma boa colheita. Vive nas zonas mais impenetráveis de canaviais onde haja água em abundância. Permanece a maior parte do dia quieta e solitária, apoiando a cabeça sobre as espáduas. A ave-martelo tem hábitos crepusculares e, ao cair da noite, procura o alimento na água constituído por pequenos peixes, anfíbios, crustáceos, etc. O bico é em forma de escopro fazendo lembrar um martelo e daí o seu nome. A sua cor baseia-se em tons castanhos com reflexos bronzeados ou dourados.
O ninho constitui uma formação esférica de mais de dois metros de diâmetro que pode suportar pesos de 80 quilos. A sua construção é trabalhosa e morosa. Os materiais utilizados são palhas, folhas e ramos de diâmetro significativo, sendo no fim tudo cimentado com barro. O ninho tem três câmaras. Na terceira câmara a fêmea (muito semelhante ao macho) põe três a seis ovos duas vezes por ano uma em fevereiro e outra em outubro. Os casais mantêm-se unidos toda a vida.
Como referenciar: Porto Editora – Escopídeos na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-12-01 13:42:16]. Disponível em