Artigos de apoio

esquilo
Designação vulgar dos mamíferos da ordem dos roedores, da família dos Ciurídeos que engloba 278 espécies distribuídas por 50 géneros. A sua distribuição geográfica é por toda a Terra com exceção do deserto do Sara, Patagónia, Norte do Alasca, Austrália, Nova Zelândia, Gronelândia, e territórios Ártico e Antártico. O esquilo (Sciurus vulgaris) é, talvez, o mais típico animal dos bosques, sendo a sua agilidade prodigiosa.
Desce dos troncos da cabeça para baixo e salta de árvore em árvore vencendo distâncias que podem atingir os 5 metros. O esquilo comum ou europeu é de cor avermelhada com um comprimento da cabeça e do tronco que varia entre os 19 e 28 centímetros, com uma cauda de 11 a 24 centímetros de comprimento e um peso que pode variar entre os 230 e 480 gramas. É exclusivamente diurno, é territorial e gregário. Alimenta-se de toda a espécie de frutos, nozes, pinhões, bolotas, flores assim como insetos, ovos, crias e por vezes cadáveres. Para o inverno faz reserva de frutos e sementes facilmente conserváveis.
A gestação dura de 36 a 39 dias, com três ou sete crias por parto. Os juvenis nascem de olhos fechados e pesam entre 8 e 12 gramas. Durante os primeiros 45 dias são alimentados exclusivamente por leite materno. No fim deste tempo abandonam o ninho.
Como referenciar: esquilo in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2017. [consult. 2017-11-23 13:21:14]. Disponível na Internet: