Expulsão dos Chineses do Vietname

A expansão do Império chinês tem o seu início após a sua unificação pela mão do imperador da dinastia Shi Hoang Ti (c. 246-210 a. C.) Após a chegada dos Han, ainda antes de 206 a. C., o imperador chinês Wou-ti desempenharia um papel fundamental, pois seria ele o obreiro da reunião à China do Estado do Nam Viêt. Em 111 a. C., os Han invadiram e ocuparam o Nam Viêt, que se torna na província de Jiaozhi do império Chinês. A administração foi deixada sob responsabilidade da aristocracia local liderada por um governador geral Han. Tratava-se de uma política liberal dos Han Ocidentais que foi substituída com o advento dos Han Orientais em 23 d. C., o que, naturalmente, provocou sublevações populares. A primeira grande revolta teve início nos anos 40 e foi levada a cabo por duas irmãs - as irmãs Trung - cujo objetivo era expulsar as tropas chinesas e tornar o seu reino independente. A resposta chegou com a ofensiva de Ma Yuan, general dos Han, que provocaria o suicídio das duas irmãs. Em 203, o nome de Jiaozhi foi substituído por Jiaozhou, nome que permaneceria até ao fim da ocupação chinesa.
Várias outras revoltas tiveram lugar com o objetivo de pôr fim à dominação chinesa, uma das quais, a de Ly Bi, ocorreu em 541, tendo como consequência a fundação do reino de Van Xuan, posteriormente invadido pelos Sui (581) e pelos Tang (618). Esta última dinastia imperial chinesa permaneceu por um largo período de tempo no Vietnam e, notando-se já um esgotamento produzido pelas lutas internas. Os vietnamitas tiraram partido do facto e em 907 as tropas chinesas seriam obrigadas a abandonar o território na sequência da revolta popular generalizada que substituiu o governador chinês pelo vietnamita Khuc Thua Du. Foi Ngô Quyên o fundador da primeira dinastia vietnamita pós-chinesa, tendo subido ao trono em 939, depois da vitória sobre os chineses, marcando a data da independência do país.
Como referenciar: Expulsão dos Chineses do Vietname in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-18 01:57:55]. Disponível na Internet: