Filipe Henriques

Mestre pedreiro dos finais do século XV e inícios do XVI, filho de Mateus Fernandes e irmão de Pero Henriques. De parceria com este, dirigiu, entre 1504 e 1516, as obras de construção da Sé Catedral da Guarda, tendo finalizado o projeto, e teve intervenção na Igreja de N. S. do Pópulo, nas Caldas da Rainha, de cuja pia batismal é autor. Desenvolveu trabalho também no claustro do Mosteiro dos Jerónimos, onde dirigiu um grupo de 55 operários.
Como referenciar: Filipe Henriques in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-09-15 12:58:55]. Disponível na Internet: