Freetown


Aspetos Geográficos
Capital da Serra Leoa, Freetown é também um porto e a maior cidade do país. Situa-se na parte norte da península de Freetown, na costa atlântica. Possui cerca de 1 050 000 habitantes (2005).

História e Monumentos Freetown foi ocupada pela primeira vez em 1787 por escravos livres enviados de Inglaterra e Canadá. O seu nome significa precisamente "cidade livre". Ali existia um entreposto comercial e um mercado de escravos, destruídos por tribos locais em 1790. Em 1792, a cidade foi fundada oficialmente por escravos livres vindos da Nova Escócia. Dois anos mais tarde foi alvo de uma pilhagem francesa e em 1800 alguns nativos revoltaram-se, mas a Inglaterra retomou o controlo. Entre 1808 e 1874, a cidade foi capital da África Ocidental Britânica e revelou um rápido crescimento proporcionado pela chegada de mais escravos livres e de soldados africanos que tinham lutado pela Inglaterra nas guerras napoleónicas. Durante a Segunda Guerra Mundial, albergou uma base naval britânica. Nos anos 90 do século XX foi palco de violentas lutas internas. Alguns dos seus principais monumentos são o Tribunal de Freetown, o Portão dos Escravos, os Passos Portugueses, a Igreja de São João (de 1820) e a Catedral de São Jorge (de 1828).

Aspetos Turísticos e Curiosidades
Como outras cidades do ocidente de África, a cidade divide-se por diversos bairros: o bairro Kru, habitado pelo grupo étnico nativo do mesmo nome, o bairro português, o bairro Maroon, fundado pelos escravos fugidos da Jamaica no século XIX, e ainda modernas áreas residenciais. Outros monumentos importantes são a Mesquita Foulah Town (de 1830) e a Catedral Católica do Sagrado Coração. Outros ex-líbris da cidade são as suas praias e os mercados. Possui ainda o Museu da Serra Leoa, com as suas exposições de arte africana. Um dos locais turísticos de Freetown é um algodoeiro que se diz datar de 1787 e à volta do qual se construiu o Museu de Freetown.

Economia
A economia da cidade gira largamente à volta do porto, através do qual se realiza a maior parte das exportações do país. As suas principais indústrias incluem a pesca, a moagem de arroz e amendoim, a refinaria de petróleo e a produção de cigarros. Freetown não tem um aeroporto próprio, mas sim um heliporto situado na ilha de Aberdeen e que estabelece ligação com o aeroporto do país.
Como referenciar: Freetown in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-12 06:59:43]. Disponível na Internet: