função temática

A função temática ou semântica é a interpretação atribuída a um sintagma nominal que seja argumento de um verbo. A função temática é o papel semântico desempenhado pelos argumentos do verbo, à semelhança do que acontece com o funcionamento das funções sintáticas no plano da sintaxe.
Existem várias tipologias de funções temáticas, baseadas numa classificação semântica dos verbos, sendo duas as mais difundidas: a tipologia nascida na teoria temática de pendor generativista (J. S. Gruber, 1967; C. Fillmore, 1968; R. Jackendoff, 1972) e a tipologia nascida no quadro da gramática de valências (L. Tesnière).
Constituem funções temáticas, no quadro da teoria temática, os papéis de tema, fonte, alvo/recipiente, lugar, agente, experienciador, causa, instrumento, ou dativo (benefactivo ou malefactivo). Assim, por exemplo, o verbo <comprar> seleciona três argumentos com as seguintes funções temáticas: "alguém" (agente/fonte) compra "alguma coisa" (objeto) a alguém (recipiente/alvo)
A gramática de valências considera as seguintes funções temáticas: objeto afetado, atributo, experienciador, posicionador, situativo, agente, causador externo, destinatário ou beneficiário, instrumento, locativo, temporativo, medida, modativo.
Como referenciar: função temática in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-02-22 09:59:56]. Disponível na Internet: