futebol em Portugal

O futebol começou a divulgar-se no nosso país nas décadas finais do século XIX, trazido por estudantes portugueses regressados de Inglaterra. O primeiro responsável pela sua implantação terá sido Guilherme Pinto Basto (segundo alguns, os seus irmãos Eduardo e Frederico terão trazido de Inglaterra a primeira bola).

Foi ele o responsável pela iniciativa de efetuar uma exibição do novo jogo, que teve lugar em outubro de 1888, e foi também ele quem organizou a primeira partida, em janeiro do ano seguinte. A partida, disputada onde hoje se encontra a praça de toiros do Campo Pequeno, opôs uma equipa formada por portugueses a uma equipa de cidadãos ingleses. Os portugueses ganharam o jogo por 2-1.
Desta forma, o futebol começou por tomar a atenção da alta sociedade, sendo marcado pela rivalidade luso-britânica. Depois, o jogo espalhou-se, sendo praticado em colégios e levando à fundação de clubes um pouco por todo o país. Até ao final do século, associações como o Clube Lisbonense, o Carcavelos, o Braço de Prata, o Real Ginásio Clube Português, o Estrela Futebol Clube, o Futebol Académico, o Campo de Ourique, o Oporto Cricket, o Sport Clube Vianense e o Ginásio Clube Português surgiram para praticar este desporto ou criaram secções para o efeito.

O primeiro encontro Lisboa-Porto realizou-se em 1894, a ele tendo assistido o rei D. Carlos. O Clube Internacional de Futebol (fundado em 1902) foi a primeira equipa portuguesa a jogar no estrangeiro, derrotando, em 1907, o Madrid Futebol Clube na capital espanhola.

Dos clubes atualmente mais importantes da modalidade em Portugal, o mais antigo é o Futebol Clube do Porto, que foi fundado em 1893 por António Nicolau de Almeida, embora só a partir de 1906 - depois de um interregno na atividade - foi definitivamente impulsionado por José Monteiro da Costa, entre outros.

O Boavista Futebol Clube foi fundado em 1903. O Sporting Clube de Portugal foi fundado em 1906 pelo visconde de Alvalade e pelo seu neto José de Alvalade. O Sport Lisboa e Benfica nasceu da fusão, em 1908, do Sport Lisboa (fundado em 1904) com o Grupo Sport Benfica. São todos clubes que tradicionalmente têm várias modalidades mas que dão grande realce ao futebol, dispondo de equipas de jogadores profissionais que quase sempre participam em provas europeias.

Na primeira década do século XX houve já tentativas de organização de competições. O primeiro campeonato nacional, porém, só se disputaria em 1921-22.

A modalidade é coordenada pela Federação Portuguesa de Futebol e, mais recentemente, pela Liga de Futebol Profissional, que atua num âmbito mais específico do que aquela. No escalão de seniores, encontra-se organizada em quatro divisões nacionais, abaixo das quais se disputam provas de âmbito distrital.

O futebol português alcançou já importantes sucessos internacionais. Nos anos 60, o Benfica ganhou por duas vezes a Taça dos Clubes Campeões Europeus. O Sporting ganhou a Taça dos Vencedores das Taças em 1964. O Futebol Clube do Porto alcançou a Taça dos Clubes Campeões Europeus em 1987, a Taça Intercontinental no mesmo ano, a Supertaça Europeia no ano seguinte e a Taça UEFA em 2003.

A seleção nacional sénior ficou colocada em 3.o lugar no Campeonato do Mundo de 1966 (realizado na Inglaterra) e nos Campeonatos da Europa de 1984 (em França) e de 2000 (na Bélgica e na Holanda). Nos escalões mais jovens, destacam-se dois títulos mundiais, obtidos em 1989 e 1991, respetivamente na Arábia Saudita e em Portugal.

Verdadeiro marco na história do futebol no nosso país foi a organização do Campeonato da Europa de 2004.
Como referenciar: futebol em Portugal in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-12-19 08:23:16]. Disponível na Internet: