George Bush

George Herbert Walker Bush nasceu no estado do Massachusetts em 1924. Durante a Segunda Guerra Mundial, foi o oficial norte-americano mais novo envolvido em combate no Pacífico. Findo o conflito, dedicou-se aos negócios, na área do petróleo e derivados, e à política, como membro do Partido Republicano.
Não sendo diplomata de carreira, ocupou cargos de grande responsabilidade como representante do seu país, designadamente na ONU e na China, num momento em que as relações entre os Estados Unidos e esta nação asiática eram de extrema delicadeza. Foi ainda diretor da CIA, nos anos de 1976 e 1977. Bush foi vice-presidente de Ronald Reagan durante dois mandatos, entre 1981 e 1989. Tornou-se então o quadragésimo primeiro presidente dos Estados Unidos, tendo Dan Quayle como vice-presidente.
No plano da política externa, Bush prosseguiu as negociações com a União Soviética encetadas pelo seu antecessor. O relacionamento que manteve com os países do Bloco de Leste foi decisivo para um desanuviamento das tensões internacionais e para o desmantelamento de uma parte do arsenal nuclear das superpotências. Em 1990, ordenou uma bem-sucedida intervenção de tropas norte-americanas, sob a égide da ONU, no conflito desencadeado pelo Iraque com a invasão do Koweit.
Mas os seus triunfos na política externa não compensaram, para a opinião pública americana, os graves problemas internos - a crise económica e social, com elevadas taxas de desemprego, manchas de pobreza no país e dificuldades evidentes, por parte das autoridades, no combate ao tráfico de droga. Assim, Bush não conseguiu ser reeleito, perdendo contra Bill Clinton, o candidato democrata.
Como referenciar: George Bush in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-08 18:48:39]. Disponível na Internet: