George Clooney

Ator norte-americano, George Timothy Clooney nasceu a 6 de maio de 1961, na cidade de Lexington. Filho de um reputado apresentador de noticiários televisivos, o jovem Clooney decidiu não seguir as pisadas do pai e seguir o exemplo dos tios José Ferrer e Rosemary Clooney, ambos atores. Falhado o objetivo de competir numa liga de basebol profissional, matriculou-se em 1982 na prestigiada Beverly Hills Playhouse, onde foi colega de Charlie Sheen.
Os seus primeiros trabalhos como ator foram frustrantes, limitando-se a duas figurações em filmes que não chegaram a ser estreados. Enveredou pelo teatro amador, onde foi descoberto por um produtor televisivo que o convidou para fazer um casting na soap-opera E/R (1984). O seu talento foi reconhecido e desempenhou um pequeno papel ao lado de atores de créditos firmados como Elliott Gould e Jason Alexander. Participou ainda na telenovela The Facts of Life (1979-1987) e em alguns telefilmes.
O seu primeiro papel cinematográfico com falas foi no obscuro filme de terror Grizzly II: The Predator (1987). Depois de uma série de filmes de duvidosa qualidade como Return of the Killer Tomatoes (O Regresso dos Tomates Assassinos, 1988), voltou à televisão, participando na sitcom Roseanne (1988-1989). Mas o papel que lhe conferiu maior projeção foi o de Dr. Douglas Ross, na série televisiva ER (Serviço de Urgência, 1994-2001). A série quebrou recordes de audiência e tornou Clooney num dos atores mais populares da América. Começaram a chover convites para filmes de grande monta: o primeiro foi One Fine Day (Um Dia Em Grande, 1996), um melodrama onde fez par romântico com Michelle Pfeiffer. Seguiu-se a comédia de terror From Dusk Till Dawn (Aberto Até de Madrugada, 1996), onde "caçou vampiros" ao lado de Quentin Tarantino.
Em breve, os produtores aperceberam-se de que o sex-appeal e o encanto de Clooney faziam mossa entre o público feminino e eram condição fundamental para o sucesso de um filme. A revista People Magazine elegeu-o em 1997 "o homem mais sexy do Mundo", ano em que acumulou êxitos como o filme de ação The Peacemaker (O Pacificador, 1997) e Batman and Robin (Batman e Robin, 1997), o quarto filme da saga do Homem-Morcego, onde substituiu Val Kilmer no papel de Bruce Wayne.
Na sua filmografia, contam-se ainda sucessos como The Thin Red Line (A Barreira Invisível,1998), Three Kings (Os Três Reis, 1999), onde teve uma relação atribulada com o realizador David O. Russell, tendo chegado mesmo a protagonizar cenas de pugilato, The Perfect Storm (A Tempestade, 2000), O Brother, Where Art Thou? (Irmão, Onde Estás?, 2000), Ocean's Eleven (Façam as Vossas Apostas, 2001), Solaris (2002) e Intolerable Cruelty (Crueldade Intolerável, 2003).
Estreou-se na realização, em 2002, com o filme Confessions of a Dangerous Mind (Confissões de Uma Mente Perigosa) e, em 2005, apresentou Good Night, and Good Luck, a sua segunda realização que foi distinguida pela crítica norte-americana com o prémio de Filme do Ano da National Board of Review of Motion Pictures. Ainda nesse ano, participou em Syriana, um thriller de Stephen Gaghan, que também produziu, tendo sido por esse papel agraciado com o Óscar de Melhor Ator Secundário (2006).
Como referenciar: George Clooney in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-05-24 14:56:05]. Disponível na Internet: