Giancarlo de Carlo

Arquiteto italiano, Giancarlo De Carlo nasceu em 1919, em Génova, e diplomou-se pela Escola de Arquitetura de Veneza em 1947. Crítico do Movimento Moderno, a sua obra pautou-se pela busca de modelos alternativos a este movimento que critica pela sua rigidez racionalista, procurando a integração dos edifícios no seu ambiente histórico. Foi um dos apoiantes do chamado "team 10 ", um grupo de arquitetos constituído, em 1956, dentro dos CIAM (Congressos Internacionais de Arquitetura Moderna) críticos do rumo que a geração sua fundadora tomava face à arquitetura contemporânea.
Grande parte da sua obra encontra-se na cidade de Urbino onde realizou o plano de revalorização do centro histórico (1958-65) e de alguns equipamentos, incluindo o Teatro (1971) e diversos edifícios da Universidade (entre 1958 e 1980).
Sendo um socialista convicto, produz uma obra teórica onde pretende conciliar as sua convicções com a obra construída e que expõe na sua revista Spazio e societa e nas aulas no International Laboratory of Architecture and Urban Design (ILAUD).
Como referenciar: Giancarlo de Carlo in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-18 08:37:32]. Disponível na Internet: