gimnofiónios

A ordem dos gimnofiónios também designada por ápodos é constituída aproximadamente por 160 espécies de indivíduos alongados, sem membros, de vida subterrânea normalmente designada por Cecílias. Encontram-se nas florestas tropicais da América do Sul (seu principal habitat), África e Sudoeste asiático. Possuem um corpo esguio e longo, algumas possuem pequenas escamas na pele, muitas vértebras, longas estrias, ausência de membros (ápodos) e um ânus terminal. Os olhos são muito pequenos e muitas espécies, quando adultas, são totalmente cegas. Possuem tentáculos sensitivos na sua parte terminal. Porque se trata de espécies subterrâneas ou aquáticas são raramente observadas pelos humanos. O seu alimento consiste principalmente em minhocas e pequenos invertebrados que encontram no solo. A fecundação é interna e o macho possui um orgão copulador. Os ovos são geralmente depositados em terreno húmido próximo da água. A larva pode ser aquática ou o desenvolvimento pode ocorrer no ovo. Em algumas espécies os ovos são cuidadosamente guardados em pregas do corpo da fêmea durante o seu desenvolvimento. A viviparidade também é comum em algumas espécies de cecílias. Neste caso o embrião obtém o alimento através da parede do oviducto.
Na pele encontram-se glândulas que segregam mucosidade e glândulas que segregam um líquido irritante.
Conhece-se um fóssil de Cecília do Paleocénico, encontrado no Brasil.
Como referenciar: gimnofiónios in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-12-15 03:10:38]. Disponível na Internet: