Gloria Swanson

Atriz norte-americana, de nome verdadeiro Gloria Josephine Mae Svenson, nascida em 27 de março de 1897, em Chicago, e falecida em 4 de abril de 1983, em Nova Iorque. Filha dum militar, começou a sua carreira artística em 1913, quando tinha apenas 15 anos. Nessa altura, quando visitava um estúdio cinematográfico, foi descoberta por um produtor que ficou impressionado com a sua beleza, contratando-a como figurante. Entre 1915 e 1927, participou em meia centena de títulos que a consagraram como uma das raínhas do cinema mudo. Deste período, destacam-se Male and Female (1919), Zaza (1923) e Madame Sans-Gêne (1925). Foi nomeada para o Óscar de Melhor Atriz pelo seu desempenho de prostituta em Sadie Thompson (A Sedução do Pecado, 1928) e pelo papel de estenógrafa em The Trespasser (1929). A sua transição para o sonoro fez-se da melhor forma, mas o público procurava agora novas vedetas, obrigando Gloria a retirar-se em 1934. Tentou o regresso com a comédia Father Takes a Wife (1941), mas o filme teve uma carreira comercial extremamente medíocre. Foi Billy Wilder quem a convenceu a voltar ao ativo para interpretar aquele que viria a ser o melhor papel da sua carreira, o de estrela decadente Norma Desmond em Sunset Boulevard (O Crepúsculo dos Deuses, 1950), no que muitos críticos cinematográficos consideraram ser uma interpretação autobiográfica. Era a grande favorita na Noite dos Óscares na corrida ao prémio para Melhor Atriz, mas acabou por perder o galardão para Judy Holliday. Até à morte, as suas aparições artísticas foram raras, limitando-se a alguns pepluns italianos e espetáculos na Broadway.
Como referenciar: Gloria Swanson in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-06-19 03:54:07]. Disponível na Internet: