Gregório IV

Papa italiano, pertencia à nobreza romana e era cardeal presbítero de São Marcos, tendo sido eleito no final do ano 827 e consagrado apenas no ano seguinte. O seu papado ocorreu de 29 de março de 828 a 25 de janeiro de 844.
Este papa tentou mediar o conflito que se gerou entre o imperador Luís, o Piedoso, e os filhos do seu primeiro casamento (Lotário, Pepino e Luís), uma vez que o filho do segundo casamento, Carlos o Calvo, auferiu de uma parte da herança, contrariando o estipulado na Ordinatio Imperii (vd. São Pascoal I). Foi, contudo, utilizado por Lotário com más intenções, o que provocou uma rotura entre o Império, dominado pelos filhos mais velhos de Luís, e o papa.
Quando o imperador Luís foi reposto, no ano de 834, as relações voltaram a estreitar-se com Roma. Seis anos mais tarde, com a morte do imperador, iniciar-se-ia a guerra civil, prejudicando os esforços que o papa tinha feito para unificar a Igreja.
Gregório IV mandou também edificar uma fortificação em Óstia, para impedir que os invasores muçulmanos desembarcassem, denominando-se esta, em sua honra, Gregorópolis.
Como referenciar: Gregório IV in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-21 16:09:39]. Disponível na Internet: