Gregório XV

Papa italiano, este pontífice era filho dos condes Camila Bianchini e Pompeo Ludovisi, tendo nascido a 9 de janeiro de 1554 em Bolonha. Foi nesta cidade que estudou, tendo ido em 1571 para o colégio jesuíta de Roma. Doutorou-se em Direito Civil e Direito Canónico em Bolonha, ordenou-se, foi-lhe dado o cargo de primeiro juiz da cúria capitolina, tornou-se referendatário do tribunal da Signatura e auditor do tribunal da Rota (em 1600), entre outras funções desempenhadas. Em abril de 1612 recebeu o arcebispado de Bolonha, foi legado papal e em 1616 tornou-se cardeal.
Consagrado a 14 de fevereiro de 1621, tomou como primeira medida a promoção de membros da sua família a elevados cargos não só eclesiásticos como civis, garantindo assim estabilidade no seu governo. Seguindo a linha de conduta dos papas que o precederam, deu o apoio monetário possível às campanhas do imperador Fernando II contra os protestantes, assim como a Sigismundo III da Polónia, contra os turcos. Maximiliano da Baviera contribuiu para a Biblioteca do Vaticano com valiosos manuscritos da biblioteca do palácio de Heidelberg, depois de derrotar o eleitor palatino Frederico V (figura principal da Liga Evangélica protestante).
No próprio ano em que acedeu ao trono de São Pedro emitiu a bula Aeterni Patris, onde instituiu as regras de eleição dos pontífices que vigorariam até ao século XX, completando este documento com a bula Decet romanum pontificen, de 1622. Foi também em 1622 que restaurou a Congregação de Propaganda Fide, incumbindo-a de criar organismos católicos de evangelização nos locais em que ainda não houvesse e estimular a missionação. Foi neste âmbito que surgiram conflitos com os reinos de Portugal e de Espanha, uma vez que na maioria dos territórios conquistados ou descobertos por estes (Índia, Filipinas, América) se encontravam já missionários, considerando os reinos ser da sua incumbência providenciar a evangelização.
Por este pontífice foram canonizados São Inácio de Loyola, São Francisco Xavier, São Filipe Néri e Santa Teresa de Ávila.
Cessou o seu reinado a 8 de julho de 1623. O seu corpo foi sepultado na igreja romana de São Inácio.
Como referenciar: Gregório XV in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-10-16 22:42:44]. Disponível na Internet: