Guerra Civil Japonesa

No início do século XVI, a divisão feudal atinge o auge no Japão. Os antigos clãs desaparecem, sendo substituídos por pequenos daimiatos hereditários, sempre em guerra. Desde o fim dos Kamakura (1333), que o Japão estava mergulhado num clima de lutas civis e senhoriais. Mesmo durante o politicamente frágil xogunato dos Ashikaga, de 1368 a 1568, não existe um domínio efetivo e centralizado do arquipélago nipónico. Os senhores não acatavam qualquer ato que atentasse ou diminuísse os seus direitos, originando-se assim uma tensão militar, constante, tantas eram as violações de tais prerrogativas. Também, para baralhar ainda mais o atribulado xadrez senhorial japonês, os grandes mosteiros budistas entraram nestas contendas e polémicas.
A reunificação acontece ainda no mesmo século, mercê da ação de Oda Nobunaga, que empreende uma campanha de unificação do país em 1560, sob a sua autoridade. Dominados os Dáimios das terras centrais do Japão, Nobunaga vence as milícias armadas ao serviço dos mosteiros budistas. Em 1573, derruba o xogunato enfraquecido dos Ashikaga e torna-se ditador com o título de Gon-Dainagon. Continuará esta sua ação Toyotomi Hideyoshi, seu colaborador, depois de fracassar numa campanha na Coreia (1592-97). Ambos conseguiram combater e reduzir, um a um, os grandes senhorios nipónicos.
Mas será, todavia, Tokugawa Ieyasu a colher os louros destas guerras intestinas, impondo o seu clã à frente dos destinos do Japão. Tokugawa Ieyasu, vencedor, em 1600, dos senhores feudais em Sekigahara e antigo aliado de Nobunaga, vence os subordinados do filho de Hideyoshi e manda executar os chefes dos exércitos opositores. Acaba com a antiga nobreza guerreira e fundiária japonesa, esvaziando de poder os dáimios. Toma o poder, instalando-se em Edo (Tóquio), governando de forma absoluta, repressiva e isolacionista. Tokugawa recebe como recompensa o título de xógum, que fica na posse dos seus descendentes até 1867. O imperador não passava de uma figura de Estado, sem poderes e sem qualquer capacidade de ação política e militar.
Como referenciar: Guerra Civil Japonesa in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-07-22 07:40:25]. Disponível na Internet: