Guiana Francesa


Geografia

A Guiana Francesa constitui um departamento ultramarino da República Francesa desde 19 de março de 1946. Situa-se na América do Sul entre o Brasil e o Suriname e é banhada a oriente pelo oceano Atlântico.
Com cerca de 91 000 km2, tem 90% da sua superfície ocupada por floresta virgem, o que contribui para a concentração da população no litoral.

Clima

Tem um clima equatorial com uma estação quente e pluviosa e tropical húmido, com uma estação quente e húmida, a maior, e outra menos quente e seca.

Economia

A economia da Guiana Francesa baseia-se principalmente na pesca e na extração mineral, especialmente aurífera. Aqui situa-se a base de lançamento de foguetões e satélites da Agência Espacial Europeia (ESA), situada em Kourou.

A capital é Caiena.

População

O país regista notável imigração ilegal, principalmente de brasileiros, haitianos, surinameses.

A população absoluta é de 298 682 habitantes e tem uma densidade populacional de 4 habitantes por quilómetro quadrado.

História
A História da Guiana Francesa é feita de uma sucessão de ocupações e disputas, sem nunca ter chegado a alcançar a independência. Originariamente ocupada por índios, a Guiana Francesa foi ocupada e explorada por ingleses, holandeses, espanhóis e portugueses, até ser oficialmente reivindicada para a França por Daniel de La Touche, o mesmo fundador de São Luís do Maranhão.

Entre 1809 e 1817 esteve anexada ao Brasil. Atualmente, é uma região da França, sendo o único território da União Europeia na América do Sul continental.

Como referenciar: Porto Editora – Guiana Francesa na Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora. [consult. 2021-09-17 03:20:16]. Disponível em