Habib Ibn Ali Burguiba

Político da Tunísia, nascido em 1903, em Monastir, que ficou para a História como o fundador do Partido Neo-Destur, e que por praticar atos revolucionários na luta persistente pela independência do seu país foi por diversas vezes preso e condenado ao exílio. As suas campanhas pela independência da Tunísia acabaram por ser frutíferas e, em 1956, Burguiba era presidente da Assembleia e também primeiro-ministro.
Durante este período a sua atuação política pautou-se pela efetiva expulsão dos franceses das suas bases militares e pela destituição de Bey. Em 1957, foi eleito presidente da República, cargo máximo da nação, que lhe foi depois confiado, consecutivamente, em 1960, 1964 e 1969. Na década de setenta (1972), foi-lhe concedido o título de presidente vitalício, no entanto, em 1987, foi destituído desta função pelo primeiro-ministro tunisino, o general Ben Ali. Faleceu em 2000.
Como referenciar: Habib Ibn Ali Burguiba in Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2020. [consult. 2020-02-25 06:16:16]. Disponível na Internet: