Hailé Selassié

Imperador etíope, nascido em 1892 e falecido em 1975, derrubou, em 1916, Lij Yasu, tornou-se rei em 1928 e em 1930, imperador.
O seu governo foi marcado pela concentração de poder no imperador, reduzindo o papel do Parlamento, reforçando a polícia e através da elaboração de uma nova Constituição. Reformou o ensino e ocidentalizou o seu país. Foi durante o seu reinado que a Itália ocupou a Etiópia, época em que se viu obrigado ao exílio, regressando ao poder em 1941, depois de a Etiópia ter sido libertada. A nível da sua política externa, alinhou com os Estados Unidos da América. Em 1963 participou na fundação da Organização de Unidade Africana. Em 1974, foi deposto na sequência de um golpe militar, acusado de má administração durante a fome de 1973, vindo a ser substituído pelo major Mengistu, um marxista.
Como referenciar: Hailé Selassié in Artigos de apoio Infopédia [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-11-21 08:24:11]. Disponível na Internet: